Melindres, adeus!

Por Cris Cirne Fernandes

Melindrar-se significa perder ótimas oportunidades de crescimento e aprendizado pois, aquele que se melindra, não consegue distinguir o certo do errado, o que é bom do que é ruim.

No dia a dia no trabalho o melindre é muito mais perigoso. Você se melindra e não aceita  as possibilidades. Se o melindre vier por alguma atitude de um cliente, pior. Aí é o fundo do poço pra você.

Você já deve estar pensando, porque uma designer de mídias digitais está a debater neste post sobre o melindre! Estamos vivendo em uma era em que se faz muito por impulso. Você está lendo um artigo em uma revista digital, ou gostou muito ou detestou muito sobre a opinião do autor, lá vai você abrir o Facebook, Twitter, ou outra rede que participa e compartilhar. Jogando pedras ou flores. Nada lhe possibilita uma reflexão. Somente o impulso é importante naquele momento.

Procure não se melindrar. O legal é uma opinião levar você a pensar nas possibilidades. Abrir nossas mentes, diversificar. Praticando esse exercício você não vai afastar as pessoas de suas redes.

A frase ‘Eu sei’ não deveria existir em nosso vocabulário. Na realidade ‘nada sabemos’, para ‘sempre aprender’.

O vídeo com texto de Jean Gabim completa o meu pensamento de hoje…

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*


*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>